Coroa da Meia-Noite (Trono de Vidro #2)
Autor: Sarah J. Maas
Ano: 2014 
Páginas: 406
Editora: Galera Record
Sinopse: Celaena Sardothien, a melhor assassina de Adarlan, tornou-se a assassina real depois de vencer a competição do rei e se livrar da escravidão das Minas de Sal de Endovier. Mas sua lealdade nunca esteve com a coroa. Tudo o que deseja é ser livre — e fazer justiça. Nos arredores do castelo, surgem rumores a respeito de uma conspiração contra misteriosos planos do rei, mas antes de cuidar dos traidores, Celaena quer descobrir exatamente que planos são esses. O que ela não imaginava é que acabaria em meio a uma perigosa trama de segredos e traições tecida ao redor da coroa. Enquanto a amizade entre ela e o capitão Westfall cresce cada vez mais, o príncipe Dorian se afasta, imerso em seus próprios dilemas e descobertas. A princesa Nehemia acaba se tornando uma conselheira e confidente, mas sua atenção está mais voltada para outros assuntos. Em Adarlan, um segredo parece se esconder por trás de cada porta trancada, e Celaena está determinada a desvendar todos eles para proteger aqueles que aprendeu a amar. Mas o tempo é curto, e as ameaças ao redor castelo de vidro estão cada vez mais próximas. Quando menos se espera, uma trágica noite mudará a vida de todos no reino, e mais do que nunca Celaena quer descobrir a verdade para fazer justiça.

O que achei

*Pode conter spoiler do 1º livro*.

Se "Trono de vidro" foi bom, "Coroa da meia-noite consegue colocar o primeiro no chinelo! Muito mais bem desenvolvido, sangrento, engraçado, irônico e viciante. Confesso que quando li o primeiro livro eu não senti "aquela coisa", mas coroa da meia noite eu não queria parar de ler! MESMO.

Neste segundo volume, Caleaena enfim se tornou a assassina do rei e podemos ver a ação mais presente. Apesar de ter estranhado no início algumas mudanças bruscas de personalidade de alguns personagens, logo que você acostuma fica tudo maravilhoso. Celaena enfim mostra a que veio, e a real imagem de "assassina" fria que eu senti falta no primeiro livro aparece. E mores. Ela quer vingança.

Nesse livro tem um grande bônus que os personagens coadjuvantes ganham mais destaque (assim como aparecem novos personagens) e desenvolvimento.

Outro ponto que eu amei foi o mistério que esse livrou trouxe com a questão da magia (eu amo essas coisas) e bruxa e maldição e seres estranhos e gente avisando sobre futuro obscuro. Adoro! 💗.

E eu. Que jurei não dar mais o meu coraçãozinho novamente para esses livros, dei e me ferrei. Sei que isso pode ser (de alguma forma) spoiler, mas alerto. Não shippem ninguém. Sejam frios! Esse aviso vem de alguém que teve o seu coração quebrado em MIL pedaços. Mas vou sobreviver e só desejo que o nível da série continue assim. Melhor a cada livro.

Se você leu "Trono de Vidro" e não achou esse borogodó todo, "Coroa da meia noite" vai te jogar na parede e chamar de lagartixa! Recomendadíssimo.



Sobre o autor


Sarah J. Maas vive no sul da Califórnia, gosta dos filmes da Disney e música pop. Ela adora contos de fadas e balé, bebidas de café, e assistir programas de TV. Quando ela não está ocupada escrevendo romances de fantasia YA, gosta de explorar a costa da Califórnia.

Sobre a edição

A edição mantem o estilo lindo da primeira, porém confesso que na diagramação esse segundo livro deixou a desejar. Muitas letras borradas ou até mesmo apagadas. Isso me irritou bastante porque todos sabemos que os livros da série não são nada baratinhos! #Xatiada.

Nas telinhas:

A autora Sarah J. Maas revelou em seu twitter que “Trono de Vidro” será adaptado como série de televisão. O estúdio que comprou os direitos de adaptação é o The Mark Gordon Company (de Grey’s Anatomy e Criminal Minds).

Nota no Skoob

Confira a resenha do primeiro volume da série: Trono de Vidro

xX Beijos Xx


Deixe um comentário

quinta-feira, 19 de maio de 2016

Resenha: Coroa da Meia-Noite (Trono de Vidro #2) - Sarah J. Maas

Coroa da Meia-Noite (Trono de Vidro #2)
Autor: Sarah J. Maas
Ano: 2014 
Páginas: 406
Editora: Galera Record
Sinopse: Celaena Sardothien, a melhor assassina de Adarlan, tornou-se a assassina real depois de vencer a competição do rei e se livrar da escravidão das Minas de Sal de Endovier. Mas sua lealdade nunca esteve com a coroa. Tudo o que deseja é ser livre — e fazer justiça. Nos arredores do castelo, surgem rumores a respeito de uma conspiração contra misteriosos planos do rei, mas antes de cuidar dos traidores, Celaena quer descobrir exatamente que planos são esses. O que ela não imaginava é que acabaria em meio a uma perigosa trama de segredos e traições tecida ao redor da coroa. Enquanto a amizade entre ela e o capitão Westfall cresce cada vez mais, o príncipe Dorian se afasta, imerso em seus próprios dilemas e descobertas. A princesa Nehemia acaba se tornando uma conselheira e confidente, mas sua atenção está mais voltada para outros assuntos. Em Adarlan, um segredo parece se esconder por trás de cada porta trancada, e Celaena está determinada a desvendar todos eles para proteger aqueles que aprendeu a amar. Mas o tempo é curto, e as ameaças ao redor castelo de vidro estão cada vez mais próximas. Quando menos se espera, uma trágica noite mudará a vida de todos no reino, e mais do que nunca Celaena quer descobrir a verdade para fazer justiça.

O que achei

*Pode conter spoiler do 1º livro*.

Se "Trono de vidro" foi bom, "Coroa da meia-noite consegue colocar o primeiro no chinelo! Muito mais bem desenvolvido, sangrento, engraçado, irônico e viciante. Confesso que quando li o primeiro livro eu não senti "aquela coisa", mas coroa da meia noite eu não queria parar de ler! MESMO.

Neste segundo volume, Caleaena enfim se tornou a assassina do rei e podemos ver a ação mais presente. Apesar de ter estranhado no início algumas mudanças bruscas de personalidade de alguns personagens, logo que você acostuma fica tudo maravilhoso. Celaena enfim mostra a que veio, e a real imagem de "assassina" fria que eu senti falta no primeiro livro aparece. E mores. Ela quer vingança.

Nesse livro tem um grande bônus que os personagens coadjuvantes ganham mais destaque (assim como aparecem novos personagens) e desenvolvimento.

Outro ponto que eu amei foi o mistério que esse livrou trouxe com a questão da magia (eu amo essas coisas) e bruxa e maldição e seres estranhos e gente avisando sobre futuro obscuro. Adoro! 💗.

E eu. Que jurei não dar mais o meu coraçãozinho novamente para esses livros, dei e me ferrei. Sei que isso pode ser (de alguma forma) spoiler, mas alerto. Não shippem ninguém. Sejam frios! Esse aviso vem de alguém que teve o seu coração quebrado em MIL pedaços. Mas vou sobreviver e só desejo que o nível da série continue assim. Melhor a cada livro.

Se você leu "Trono de Vidro" e não achou esse borogodó todo, "Coroa da meia noite" vai te jogar na parede e chamar de lagartixa! Recomendadíssimo.



Sobre o autor


Sarah J. Maas vive no sul da Califórnia, gosta dos filmes da Disney e música pop. Ela adora contos de fadas e balé, bebidas de café, e assistir programas de TV. Quando ela não está ocupada escrevendo romances de fantasia YA, gosta de explorar a costa da Califórnia.

Sobre a edição

A edição mantem o estilo lindo da primeira, porém confesso que na diagramação esse segundo livro deixou a desejar. Muitas letras borradas ou até mesmo apagadas. Isso me irritou bastante porque todos sabemos que os livros da série não são nada baratinhos! #Xatiada.

Nas telinhas:

A autora Sarah J. Maas revelou em seu twitter que “Trono de Vidro” será adaptado como série de televisão. O estúdio que comprou os direitos de adaptação é o The Mark Gordon Company (de Grey’s Anatomy e Criminal Minds).

Nota no Skoob

Confira a resenha do primeiro volume da série: Trono de Vidro

xX Beijos Xx