Escola Noturna
Autor: C. J. Daugherty
Editora: Suma de Letras
Páginas: 336
Ano: 2015
Sinopse: Quando todos estão mentindo, em quem você confia? Quando a adolescente problemática Allie Sheridan vai presa de novo, seus pais decidem que já estão fartos. Assim, ela é despachada para a Academia Cimmeria, um colégio interno bem distante dos seus amigos londrinos. A academia é uma bela construção, cheia de adolescentes lindos e milionários do tipo que viaja de jatinho, foi criado pela babá e só faz compras nos endereços mais exclusivos. Em Escola Noturna, primeiro volume de uma trilogia, Allie faz novas amizades e conhece Carter, um rapaz solitário com quem ela sente uma conexão imediata. Só que seus colegas, e talvez até alguns dos professores, estão protegendo um segredo sombrio. Quando o perigo começa a rondar os muros da escola e a violência se torna realidade, Allie terá que decidir em quem confiar, se quiser descobrir o que está acontecendo.

O que achei: Escola Noturna era um livro que estava na minha wishlist fazia já um tempo. Porém, confesso... Não lembrava mais do que ele se tratava! Marquei ele como desejado assim que vi na lista dos lançamentos, porém depois de um tempo em meio a tantos livros já não lembrava do que tinha feito eu querer comprar. E decidi ficar assim. Ler no escuro, sem ver resenha e nem dar uma espiada no skoob (confesso que isso me atrapalha as vezes porque me sinto um pouco "tomada" pela opinião da pessoa rsrs). Quando fui fazer a lista do que comprar na viagem resolvi colocar ele na "se não tiver os que eu quero mesmo, vou levar" e não é que por ironia do destino não tinha nada quase o que eu queria? rsrs e já a caminho do caixa eu o vi na prateleira e levei. Sem pensar duas vezes (sou libriana gente! Me deem um desconto!!) e comprei. Na viagem de barco para Parintins peguei meus fones de ouvido e Mundo da Luna. Não funcionou. E aí resolvi pegar ele. E gente. Não larguei mais. O livro começa com a Allie fugindo da policial, menina revoltada com os pais e com "traumas do passado" eu fechei o livro e fiquei "não acredito que vou me meter nessa fria". Confesso que estou CANSADA desse mesmo plot "menina revoltada com os pais, traumatizada e que encontra o amor e bla". Me deu vontade de parar ali mesmo, mas resolvi continuar. Allie foi mandada para a escola interna e eu pensei "ai ela vai ficar chatissima tentando fazer besteiras para ser expulsa" mas não!!! Gente, esse livro deu um tapa na minha cara cheia de preconceito literário! Eu gostei de como foi construída a "mudança" da Allie, não sendo da água para o vinho, mas também não sendo cheio de vai e volta, gostei como foi construída as relações dela com os amigos (inicialmente) só para aí pensar em romance. Gostei demais de como tudo foi bem "real" (realmente não é sempre que o amor cura tudo e nem as adolescentes amam a primeira vista). Até o fim do livro o "triangulo" amoroso não me incomodou, eu consegui visualizar ela com qualquer um dos dois (não se criou o perfeito e o chatonildo como sempre). Gostei de como em trezentas e poucas páginas me fizeram sentir assistindo um filme adolescente daquele jeito que eu amo, cheio de paquera, problemas e mistérios e adulto quando precisava rsrs. O que me fez não dar cinco estrelas para o livro (dei quatro e favoritei) foi que achei que teve mistério DEMAIS envolvendo a Escola Noturna, que fez com que mesmo no fim do livro eu não conseguir sacar muito bem como funciona. Descobri (infelizmente kkkk) que tem algumas continuações (jesus me salva das séries!!) e vou evitar por enquanto, apesar de ter amado tanto o 1 (cheguei a ficar com o dois na mão quando fui na livraria na viagem de volta kkk), percebi que estou cheia de expectativas e não quero estragar tudo lendo com sede ao pote e de repente me decepcionar. Vou esperar ao menos mais algum sair e aí voltar. Mas eu recomendo muito! Os personagens são bem interessantes (todos) e isso foi especial. Odeio quando tudo é sobre a protagonista. E não senti isso aqui, me vi envolvida com a história de todos e queria saber mais sobre eles.

Bem, é isso! Alguém já leu? Devo ir sem medo e enfrentar a maldição do segundo livro?? 
hahaha

Nota no skoob:


2 Comentários

Deixe um comentário

terça-feira, 14 de julho de 2015

Resenha: Escola Noturna - C. J. Daugherty

Escola Noturna
Autor: C. J. Daugherty
Editora: Suma de Letras
Páginas: 336
Ano: 2015
Sinopse: Quando todos estão mentindo, em quem você confia? Quando a adolescente problemática Allie Sheridan vai presa de novo, seus pais decidem que já estão fartos. Assim, ela é despachada para a Academia Cimmeria, um colégio interno bem distante dos seus amigos londrinos. A academia é uma bela construção, cheia de adolescentes lindos e milionários do tipo que viaja de jatinho, foi criado pela babá e só faz compras nos endereços mais exclusivos. Em Escola Noturna, primeiro volume de uma trilogia, Allie faz novas amizades e conhece Carter, um rapaz solitário com quem ela sente uma conexão imediata. Só que seus colegas, e talvez até alguns dos professores, estão protegendo um segredo sombrio. Quando o perigo começa a rondar os muros da escola e a violência se torna realidade, Allie terá que decidir em quem confiar, se quiser descobrir o que está acontecendo.

O que achei: Escola Noturna era um livro que estava na minha wishlist fazia já um tempo. Porém, confesso... Não lembrava mais do que ele se tratava! Marquei ele como desejado assim que vi na lista dos lançamentos, porém depois de um tempo em meio a tantos livros já não lembrava do que tinha feito eu querer comprar. E decidi ficar assim. Ler no escuro, sem ver resenha e nem dar uma espiada no skoob (confesso que isso me atrapalha as vezes porque me sinto um pouco "tomada" pela opinião da pessoa rsrs). Quando fui fazer a lista do que comprar na viagem resolvi colocar ele na "se não tiver os que eu quero mesmo, vou levar" e não é que por ironia do destino não tinha nada quase o que eu queria? rsrs e já a caminho do caixa eu o vi na prateleira e levei. Sem pensar duas vezes (sou libriana gente! Me deem um desconto!!) e comprei. Na viagem de barco para Parintins peguei meus fones de ouvido e Mundo da Luna. Não funcionou. E aí resolvi pegar ele. E gente. Não larguei mais. O livro começa com a Allie fugindo da policial, menina revoltada com os pais e com "traumas do passado" eu fechei o livro e fiquei "não acredito que vou me meter nessa fria". Confesso que estou CANSADA desse mesmo plot "menina revoltada com os pais, traumatizada e que encontra o amor e bla". Me deu vontade de parar ali mesmo, mas resolvi continuar. Allie foi mandada para a escola interna e eu pensei "ai ela vai ficar chatissima tentando fazer besteiras para ser expulsa" mas não!!! Gente, esse livro deu um tapa na minha cara cheia de preconceito literário! Eu gostei de como foi construída a "mudança" da Allie, não sendo da água para o vinho, mas também não sendo cheio de vai e volta, gostei como foi construída as relações dela com os amigos (inicialmente) só para aí pensar em romance. Gostei demais de como tudo foi bem "real" (realmente não é sempre que o amor cura tudo e nem as adolescentes amam a primeira vista). Até o fim do livro o "triangulo" amoroso não me incomodou, eu consegui visualizar ela com qualquer um dos dois (não se criou o perfeito e o chatonildo como sempre). Gostei de como em trezentas e poucas páginas me fizeram sentir assistindo um filme adolescente daquele jeito que eu amo, cheio de paquera, problemas e mistérios e adulto quando precisava rsrs. O que me fez não dar cinco estrelas para o livro (dei quatro e favoritei) foi que achei que teve mistério DEMAIS envolvendo a Escola Noturna, que fez com que mesmo no fim do livro eu não conseguir sacar muito bem como funciona. Descobri (infelizmente kkkk) que tem algumas continuações (jesus me salva das séries!!) e vou evitar por enquanto, apesar de ter amado tanto o 1 (cheguei a ficar com o dois na mão quando fui na livraria na viagem de volta kkk), percebi que estou cheia de expectativas e não quero estragar tudo lendo com sede ao pote e de repente me decepcionar. Vou esperar ao menos mais algum sair e aí voltar. Mas eu recomendo muito! Os personagens são bem interessantes (todos) e isso foi especial. Odeio quando tudo é sobre a protagonista. E não senti isso aqui, me vi envolvida com a história de todos e queria saber mais sobre eles.

Bem, é isso! Alguém já leu? Devo ir sem medo e enfrentar a maldição do segundo livro?? 
hahaha

Nota no skoob: